Adiantar ponto de ignição



  • ae galera, acho q a maioria sabe que qto mais alto o ponto de ignição melhoram no rendimento, é claro que sem exageros a ponto de grilar o motor ou causar danos ao mesmo.

    alguem saberia dizer quais são as verdadeiras vantagens e desvantagens de adiantar o ponto de ignição?

    eu já ouvi de tudo:

    1. consome mais combustível

    2. consome menos combustível

    3. adiantar muito o ponto perde velocidade final

    4. diminui a vida útil do motor

    5. etc.

    afinal, o que é mito ou verdade ao adiantar o ponto?



  • boa de olho no topico.



  • o que dá pra afirmar com certeza é que melhora sim a dirigibilidade com carga baixa.

    assim, pelo que me consta, o ponto tem que estar em seu patamar máximo de acordo com a curva de torque do motor.

    não adianta carcar ponto depois que passou do pico de torque máximo, pois só vai ficar mais pesado para o motor se manter girando.

    consumir mais ou menos combustível é relativamente fácil de quantificar, eu não sei dizer se muda muita coisa, mas isso com um pouco de tempo até dá pra testar.

    agora, vida útil… difícil afirmar alguma coisa hein... nem tem jeito prático de testar isso... :hauck:



  • adiantar é algo relativo.

    primeiramente precisa-se saber onde está o ponto atual em relação ao original de fábrica, e como a fabrica calibra o motor em questão. a maioria pode ser avançado com ganhos de torque, porém pequenos, difíceis de se quantificar.

    porque ja não vem de fábrica com mais avanço? por diversos fatores. desde maior carga sobre as bronzinas, até sob hipóteses de abastecimento com combustíveis batizados , onde não se poderia usar o ponto avançado . então ajustam numa média segura , nem sempre favorecendo o melhor desempenho.

    isso em motores carburados né? ja que os injetados atuais possuem sensor (es) de detonação, o que permite se usar o máximo de avanço sempre, ficando a cargo da central atrasar em caso de detonação devido à combustivel ruim, marcha inadequada à rotação e etc.



  • não adianta jogar o ponto muito pra cima, cada faixa de rotação/carga, precisa de uma quantidade certa de ponto/mistura pra gerar o que vc falou.

    1 - consome mais combustivel, se tiver com ponto bem alto, pois tem que engordar a mistura pra não ter pre ignição(batida de pino)

    2 - pode gerar menor consumo, pois vai dar mais torque, ou simplismente vai gerar melhor consumo do que um ponto atrasado.

    3 - pode perder sim, por em alta não adianta muito ponto, se colocar demais, pode amarrar o motor e gerar menos velocidade final. mas por outro lado, com mais ponto o giro pode subir mais rápido o que leva a uma aceleração melhor. tem que ter como mexer na curva toda, ou escolher um meio termo.

    4 - so diminui a vida se tiver errado ou muito agressivo, tem gente que fala que ponto demais força as brozinas de biela.



  • isso.

    tudo o que aumenta a pressão nas câmaras força mais as bronzinas.



  • muito interessante

    se as fábricas deixam numa margem segura, essa margem é baixa ou alta? eu falo isso pq tem muitos motores ap (aspirados) em que o ponto inicial original é 9º e deixam o dobro (18º) adiantado…. desse jeito já estaria dando perda de final, aumento de consumo ou ainda estaria de boa?



  • perda de final é só se tiver adiantado ao ponto de amarrar em alta.

    ai só mesmo testando. um motor com melhor vedação (anéis e valvulas) tende a ser menos receptivo a ponto de ignição mais avançado. da mesma forma q um motor com comando mais adiantado tb, se tiver com ponto de ignição alto, tende a lacrar em alta.



  • perda de final é só se tiver adiantado ao ponto de amarrar em alta.

    ai só mesmo testando. um motor com melhor vedação (anéis e valvulas) tende a ser menos receptivo a ponto de ignição mais avançado. da mesma forma q um motor com comando mais adiantado tb, se tiver com ponto de ignição alto, tende a lacrar em alta.

    no meu caso, o meu tem 8,5:1 de taxa e rodando no álcool, aspirado, e está com 18º inicial e sem limite, é muito adiantado ao ponto de pedir uma mistura mais rica e afeta a velocidade final? o motor é novo, ou seja, bem vedado…

    eu pesquisei em tudo e descobri que ponto de carro gasolina tem de 9º, 12º e 15º, ou seja, não dá pra mim saber se 18º é muito ou pouco....

    vou fazer um teste no meu carro e ver os resultado e depois posto aqui.



  • até qto seu distribuidor avança?



  • até qto seu distribuidor avança?

    então carol, não sei qto está dando efetivamente, o mecanico q eu levo não tem pistola de ponto com avanço pra saber, só sei que o distribuidor é de álcool, dizem q adianta menos que o de gasolina….



  • o que faria limitar a rotação é o ponto final, e não o inicial propriamente dito.



  • é exatamente como a carol falou o que interfere mais na velocidade final a ponto de perder ou ganhar uns km/h, é o ponto final… o motor trabalhando mais rapido é necessario um aumento no ponto para aproveitar melhor a energia da queima, já que o pistao sobe mais rapido, mas a mistura teoricamente ainda mantem a a mesma velocidade de queima...



  • então carol, não sei qto está dando efetivamente, o mecanico q eu levo não tem pistola de ponto com avanço pra saber, só sei que o distribuidor é de álcool, dizem q adianta menos que o de gasolina….

    da pra ver até quanto adianta mesmo sem pistola com avanço, a não ser que o ponto final esteja acima da escala do volante…

    pra ver com essa pistola que ele tem, é mais ou menos da mesma forma que se mede em lenta, só ir acelerando o carro e vendo o numero que mostra no volante.



  • aproveitando o assunto, queria debater uma questão:

    se pegar este motor do amigo que tem 8,5:1 de taxa e aumentar pra 13,0:1, andando no alcool, como começaria no acerto de ponto de ignição? mantendo o ponto inicial original e limitando o final de maneira que ele não amarre o carro em altas rotações?



  • começa com tudo bem conservador… vc não vai precisar de tanto ponto em baixa, quase como um gasolina.



  • aproveitando o assunto, queria debater uma questão:

    se pegar este motor do amigo que tem 8,5:1 de taxa e aumentar pra 13,0:1, andando no alcool, como começaria no acerto de ponto de ignição? mantendo o ponto inicial original e limitando o final de maneira que ele não amarre o carro em altas rotações?

    sim.

    vc começaria dessa forma até encontrar o ajuste que mais lhe agrade.



  • ae galera, acho q a maioria sabe que qto mais alto o ponto de ignição melhoram no rendimento, é claro que sem exageros a ponto de grilar o motor ou causar danos ao mesmo.

    alguem saberia dizer quais são as verdadeiras vantagens e desvantagens de adiantar o ponto de ignição?

    se voce adiantar o ponto de ignição, mais que o original, o motor vai ganhar mais torque em retomadas e giro baixo, até uns 3.500 rpm, ganha mais pegada .a desvantagem, é que na alta normalmente amarra um pouco, as vezes chegando ao ponto de grilar. seu motor com 8,5 de taxa e alcool realmente aguenta ponto bem adiantado.

    eu já ouvi de tudo:

    1. consome mais combustível

    só consome mais combustivel se voce andar por exemplo, em um motor a gasolina com alcool, a simples conversão para alcool via vazão dos bicos, sem ajuste do ponto faz com que ele consuma muito mais que se voce adiantar o ponto. a maior quantidade de alcool faz com que a queima aconteça mais demorada, exigindo um tempo maior para a queima, por isso se adianta o ponto para que se queime em sua totalidade.

    1. consome menos combustível

    mesma situação relatada acima, com o ponto certo não terá problemas, ele vai ficar até economico. a diferença entre dois carros de mesmo motor, só como exemplo os ap carburados é de 8,5 pra gasolina e 12,3 pra alcool. para voce compensar a falta de taxa em motor a gasolina andando com alcool, a regra é de aproximadamente 6° a mais de avanço, ou seja, um motor alcool original, 9° de ponto inicial, um motor gasolina mesma coisa, um gasolina andando com alcool , 15° de ponto. isso é regra, e como toda regra existem excessões, a melhor forma e ajustar e encontrar o melhor ponto do seu motor, o que ele desenvolva mais desempenho sem griladas, e sempre medindo a mistura na alta.

    1. adiantar muito o ponto perde velocidade final

    sim, funciona de forma inversa a comando de valvulas, para ganhar em baixa, perde em alta. o que voce pode fazer se quizer andar com ponto adiantado e ter mais pegada em baixa, é enriquecer a mistura na alta, que faz com que a queima demore mais e reduza o esforço extra que o motor está sendo submetido, porem isso contamina oleo.

    1. diminui a vida útil do motor

    sim, como dito acima, cria um maior esforça nas brozinhas, pinos , pistão e vira, sem contar batidas de pino, que são pessimas para as canaletas do pistão.

    1. etc.

    afinal, o que é mito ou verdade ao adiantar o ponto?

    obedecendo essa regra de 6° entre motores de combustiveis diferentes, não fica dificil voce trabalhar em cima do distribuidor. eu começaria arrumando uma pistola de ponto e ajustando ele em 18°, dai em diante é andando com o carro, em todas as situações, principalmente carga, 4° marcha na subida a 40 km/h e escutar se grila, caso aconteça, vai retornando de 1 e 1° até ficar bom, e mais importante seria medir a mistura principalmente na alta, as vezes achamos que é ponto, mas na verdade é a alimentação que não está dando conta do recado.

    espero ter ajudado e grande abraço.



  • valeu ae galera pelas explicações, foi muito exclarecedor e acho q deu pra esgotar o assunto.

    vou fazer uns testes com o meu carro, tentar medir o consumo e a velocidade final e conforme for fazendo vou postando aqui as minhas impressões

    abraços a todos



  • eu só aprendi a brincar com esse negócio de adiantar ponto qdo minha canaletas se foram…