Salão latino-americano de veículos elétricos mostrou o futuro da indústria automotiva



  • ![](http://carxpressmag.com/wp-content/uploads/salão-latino-americano-de-veículos-elétricos.jpg "salão latino-americano de veículos elétricos") foto: divulgação na 11ª edição do salão latino – americano de veículos componentes e novas tecnologias, as novidades e a análise das perspectivas desse mercado foram mais uma vez alavanca para negócios e planejamento das empresas do setor. para o público, foi a oportunidade de conferir lançamentos em carros elétricos e híbridos, geradores de energia, como também experimentar a sensação de andar em bikes, scooters, skates, patinetes e monociclos – todos elétricos. as principais empresas do setor automobilístico marcaram presença com lançamentos, como a porsche que, pela primeira vez, trouxe ao brasil o cayenne e-hibrid; a eletra, que lançou o primeiro ônibus elétrico híbrido dual; a woie, com novas linhas de bicicletas elétricas; e a build your dream (byd), com um ônibus 100% elétrico, que será incorporado a primeira frota de ônibus elétricos de campinas (sp). a bmw, volvo, toyota, vo2, weg, moura, ipsec, bosch, kya, brmobilit, clubcar, cpfl energia, jac motors, cooltra, riba, ep modelismo, power solutions, si, grupo schréder e caixa econômica federal também marcaram presença expondo seus produtos e projetos. para quem trabalha nesse mercado, o salão ofereceu uma parruda agenda de conferências com especialistas do brasil e do exterior, que debateram temas como novas tecnologias, mobilidade urbana, perspectivas e experiências na implantação de mobilidade elétrica e os impactos na infraestrutura atual, entre outros. o presidente da abve, ricardo guggisberg, apontou a importância do segmento contar com o apoio do poder público. “os incentivos governamentais são de fundamental importância. recentemente contamos com a redução de ipva e liberação do rodízio para veículos elétricos e híbridos da cidade de são paulo. mas ainda há muito a ser feito para que o veículo elétrico se torne uma realidade nas ruas brasileiras”, explicou. vários países já contam com programas de incentivo ao carro verde para favorecer a transição para tecnologias mais limpas. o resultado é um crescimento de 95% na frota global de veículos elétricos, que somava mais de 665 mil unidades em todo o mundo no final de 2014 e que deve chegar a quase 20 milhões em 2020, segundo estudos internacionais. “no caso do brasil, cujo processo de industrialização mais recente está umbilicalmente ligado à indústria automotiva, a migração para o carro verde é uma oportunidade ímpar de revitalizar o setor, gerando empregos e consolidando o país no seleto rol das nações exportadoras de veículos elétricos”, analisa. **fonte:**  salão latino-americano de veículos elétricos

Entre para responder